Melhores soluções para por dinheiro a render

dinheiro  a renderEm tempos de incerteza é sempre bom ter um bom pé de meia para alguma urgência, vamos imaginar que tenho 5 mil euros. Actualmente as melhores soluções para por o dinheiro a render são os depósitos a prazo, os certificados do tesouro e as obrigações do tesouro.

Quando se trata de fazer render o nosso dinheiro a melhor opção é optar por depositá-lo numa conta a prazo num banco qualquer até pode ser no seu banco de sempre mas há outras alternativas mais rentáveis.
A maioria de nós só conhece os depósitos a prazo, mas com os bancos a precisar de dinheiro fresco é preciso aproveitar a concorrência e fazer valer mais as suas poupanças daqui a algum tempo

No banco é par desconfiar sempre dos conselhos, para quem quer só depósitos não confiar logo na proposta daquele banco opte antes por fazer uma pequena pesquisa na internet hoje em dia é possível saber as taxas praticadas por bancos da concorrência.

E se pensa que regatear as taxas de juro no banco já passou de moda fique a saber que para quantias a rondar os 25 mil euros é possível negociar a taxa de juro
Actualmente o máximo que se consegue no que toca a juros ronda os 6 % e é por muito pouco tempo
Se Por exemplo tiver um super depósito a 4 meses a 6% deve estar muito atento com o que vem a seguir pois posso ter um depósito muito rentável a 4 meses mas no resto do ano posso vir a ter um a taxa a 1 % , se fizer as contas a um ano de juros não se torna muito rentável

Hoje ainda é possivel encontrar depósitos a 6 % em bancos pequenos mas nos bancos maiores posso vir a ter 4,5% ou menos.

 

Os certificados do Tesouro são um produto destinado a captar as poupanças das familias tem um período de duração máximo de 10 anos e um mínimo de 6 meses durante os quais não pode levantar.

Estas aplicações financeiras possuem uma taxa muito aliciante:
Do 1º ao 5º ano—->2%
Do 5º ao 9º ano—->6,80%
10 anos —->7,10 %

Tem um depósito mínimo de 1000 euros mas tem de permanecer com o dinheiro durante pelos menos s 5 anos para ser rentável, caso necessite do dinheiro a melhor opção é optar pelos depósitos a prazo.

No entanto se mantiver o dinheiro por 10 anos sem lhe mexer os juros são distribuídos e ao longo dos 10 anos passa a ter uma taxa média de 7,10%.
Quanto aos certificados de aforro não são um bom investimento pois os depósitos a prazo oferecem melhores taxas.
Se quer produtos mais rentáveis tem ainda obrigações do tesouro ,a famosa dívida soberana onde empresta dinheiro directamente ao estado ,parece dificil mas não é.
Se optar agora pelas obrigações do tesouro consegue em 6 meses juros de 11,83% ,mas se esperar por mais tempo por um ano até 2013 vai obter 13,50% ou em 2014 14,63% de juros.

O problema é que são apenas para quem pode arriscar, pois os estado pode entrar em banca rota ou restruturar a dívida pública fica sem nada ou com muito pouco, e apenas se torna apetecível com apenas 5000 mil euros dadas as comissões que os bancos cobram.

A título de exemplo 5000 mil euros
Num depósito a prazo a um ano rende: 225 euros
Nos certificados do tesouro a 5 anos rende a mais:340 euros
Nas obrigações do tesouro a 6 meses rende a mais: 591,5 euros

É possivel comprar dívida soberana apenas na caixa geral de depósitos, no BES e no BCP.

6 Comentários
  1. Outubro 27, 2012
    • Dezembro 3, 2012
  2. Março 18, 2014
    • Abril 25, 2014
  3. Outubro 6, 2014
    • Outubro 8, 2014

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *